Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksBioGene / Media Center / Notícias

Notícias

18/08/2016

Milho: Rio Grande do Sul aumenta área plantada após 10 anos

Alta dos preços no mercado interno e a possibilidade de realizar a segunda safra de soja após a colheita do cereal incentivaram os produtores.

O plantio de milho já começou no Rio Grande do Sul e a expectativa dos produtores é que a área cultivada tenha aumento de 15% na comparação com a safra passada. Segundo a Associação dos Produtores de Milho do Rio Grande do Sul (Apromilho), não havia incremento de área há 10 anos.

O presidente da entidade, Cláudio Luiz de Jesus, afirma que a área cultivada com o grão passou de 780 mil hectares na safra passada para 900 mil hectares na atual. A alta dos preços no mercado interno teria sido um dos motivos que animaram os produtores gaúchos. Atualmente, a saca está valendo R$ 40, sendo que, no mesmo período do ano passado, os preços estavam entre R$ 24 e R$ 25. A possibilidade de realizar a segunda safra de soja após a colheita do milho também contribuiu para a decisão, diz o representante da associação.

O Rio Grande do Sul é um dos primeiros estados a semear o grão, o que é vantajoso, segundo Cláudio Luiz de Jesus. A possibilidade de colheita do milho em janeiro traria a garantia de preços mais atrativos, quando parte do mercado não tem o produto em mãos.

“Esta é uma boa oportunidade que temos para fazer uma renda para as próximas safras. Os preços atualmente estão muito atrativos, e, inclusive, alguns produtores já realizaram vendas a futuro”, afirma.