Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksBioGene / Media Center / Notícias

Notícias

03/10/2016

Mercado atacadista de carne sem osso: cortes de traseiro puxam altas

Houve valorização dos cortes no mercado atacadista em São Paulo. Considerando a média de todos os cortes houve alta de 2,2%, puxada pelos cortes de traseiro, que tiveram alta de 2,5%. Os cortes de dianteiro praticamente se mantiveram, com ajuste positivo de 0,1%. Isto ilustra o efeito maior da sazonalidade sobre os cortes de traseiro.

O cenário é de oferta modesta, o que, associado à proximidade do final do mês e abastecimento do varejo, gerou os ajustes.

Em doze meses, considerando a média dos cortes, a valorização foi de 6,2% para a carne sem osso no atacado. No mesmo intervalo a inflação acumulada foi de 8,8%, segundo o IPCA-15, considerado uma prévia da inflação oficial.

Ou seja, houve desvalorização real, mesmo considerando as altas recentes. Para os próximos meses a tendência é de melhoria do escoamento, com a proximidade do final do ano.

Alguns indicadores de confiança do consumidor apontam melhoria da percepção quanto à economia. Embora a situação econômica continue crítica, isto pode ajudar a demanda, mesmo que de maneira sutil.