Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksBioGene / Media Center / Notícias

Notícias

06/10/2016

IBGE prevê novo recorde na safra de soja em Mato Grosso

Predominante como cultura de 1ª safra em Mato Grosso, a quantidade de soja produzida na temporada 2016/2017 irá aumentar 9,67% sobre o ciclo imediatamente anterior. São esperadas 28,899 milhões de toneladas na safra que começou a ser plantada no Estado desde a segunda quinzena de setembro. A estimativa recorde é da Supervisão Estadual de Pesquisas Agropecuárias do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que apresentou o 1º prognóstico da safra 2017 nesta quarta-feira (05) durante reunião do Grupo de Coordenação de Estatísticas Agropecuárias (Gcea).

Na safra 2015/2016, foram colhidas em Mato Grosso 26,350 milhões de toneladas da oleaginosa. Conforme informou o supervisor das Pesquisas Agropecuárias, Elton Fior, a área ocupada com a soja avança 0,54% ou 49 mil hectares no território estadual e ocupa 9,155 milhões de hectares. Desde a safra 2013/2014, as lavouras de soja expandiram 8,57% no Estado, com adição de 723 mil hectares até agora. Nesse período, a produção evoluiu 10,40%.

Diferentemente do último ciclo, também são esperados acréscimos na produção de arroz (10,74%) que alcança 560,098 mil toneladas, feijão (106,8%) com 12,887 mil/t e milho (35%) com 350,014 mil/t. Há reduções no plantio de 1ª safra do algodão (-1,65%), cana de açúcar (-1,06%) e mandioca (-0,64%) ante o ciclo anterior. Para o ciclo atual, são esperados volumes equivalentes a 445,403 mil/t para o algodão, 18,998 milhões/t de cana e 286,647 mil/t de mandioca. “Com relação ao algodão, vem ocorrendo a migração do plantio de 1ª para 2ª safra no Estado. Os produtores estão fazendo isso para poder plantar primeiro a soja”, explica o gerente de Planejamento e Supervisão do IBGE, Pedro Nessi Snizek.