Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksBioGene / Media Center / Notícias

Notícias

27/01/2017

Produtores de Mato Grosso devem cadastrar propriedades com plantio de soja

Os produtores de Mato Grosso têm até dia 15 de fevereiro para fazer ou atualizar o cadastro das propriedades com plantio de soja.

Os produtores rurais de Mato Grosso têm até dia 15 de fevereiro para fazer e/ou atualizar o cadastro das propriedades com plantio de soja. “Esse cadastro precisa ser feito anualmente logo após o término do plantio da lavoura, informando a localização das áreas plantadas da safra atual para que o Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT), possa fazer o monitoramento sanitário das propriedades rurais mato-grossenses”, informa a analista de Agricultura da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso, Karine Machado.

De acordo com informações da Famato, o produtor deverá informar obrigatoriamente todos os dados solicitados no cadastro, assim como as coordenadas geográficas da sede da propriedade e do mínimo dos vértices da lavoura. Além disso, o produtor deverá fornecer o croqui da lavoura com as coordenadas geográficas dos talhões sempre que solicitado pela fiscalização.

A Famato orienta os produtores para não deixarem para fazer o cadastro de última hora. “Como o cadastro só poderá ser realizado por meio eletrônico, o ideal é que o produtor faça o quanto antes para não correr o risco de que algum imprevisto ou instabilidade no site impeça a atualização dentro do prazo legal”, diz Karine.

A analista lembra que quem deixar de fazer o cadastramento pode ser autuado em até 10 Unidades de Padrão Fiscal do Estado de Mato Grosso (UPF’s), o que atualmente corresponde ao valor de R$ 1.286,70.​

Fonte: SF Agro